domingo, 25 de junho de 2017

ELEIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO P.A. BOM FIM - FRANCISCA ANA CRISPIM É REELEITA PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO

Neste Domingo foi realizado pela manha, a ELEIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO P.A. BOM FIM, para o mandato de 2 anos, e contou com a presença de seus associados e do Apoio do STTR DE ANGICOS.
A eleição ocorreu das 08:00 as 12:00 horas, na própria sede da Associação, onde foi dado o incio e o resultado final através da comissão eleitoral.
Ao final dos 42 aptos a votarem, votaram 41, sendo que um sócio não compareceu.
o resultado foi o seguinte:
CHAPA 2 de FRANCISCA ANA CRISPIM - 21 VOTOS;
CHAPA 1 de VIDAL JANUÁRIO DA COSTA - 18 VOTOS;
VOTOS NULOS: 1
VOTOS BRANCOS: 1
OBS: A POSSE SERA DIA 14 DE JULHO DE 2017.

COMISSÃO ELEITORAL
LOURINETE
LINDALVA 
LUCIA

CANDIDATO A ELEIÇÃO - VIDAL JANUARIO

LOCAL DE VOTAÇÃO

CANDIDATA A PRESIDENTE - FRANCISCA ANA

ASSOCIADOS PRESENTE NA ELEIÇÃO

REPRESENTANTE DO STTR NA ELEIÇÃO
ALMIR MEDEIROS

MOMENTO DA APURAÇÃO

CHAPA ELEITA

DIRETORIA ELEITA PARA O MANDATO DE 2 ANOS

COMISSÃO ELEITORAL - JUNTAMENTE COM O REPRESENTANTE DO STTR

LOCAL DO EVENTO - ASSOCIAÇÃO P.A. BOM FIM

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Seminário: Paulo Freire Vida e Obra: Diálogos que permanecem







O Programa de Pós Graduação em Educação (GPPE), da Universidade de Brasília (UNB), em conjunto com a CONTAG/ENFOC e demais instituições parceiras, promovem o Seminário: Paulo Freire Vida e Obra: Diálogos que permanecem, em homenagem ao educador Paulo Freire, que há 20 anos de sua partida, deixa um importante legado para a educação brasileira.


O Seminário

Depois de 20 anos de despedida de Paulo Freire, seu pensamento reverbera em muitos educadores e educadoras que, amando a humanidade, assumem o compromisso histórico de viver na pele a densidade e a beleza da vida através da educação. Sensível a essa realidade axiológica, a Pós-Graduação em Educação da Universidade de Brasília (UNB), comprometida com o fazer educativo em diferentes relações e espaços sociais e culturais, realiza o Seminário “Paulo Freire, Vida e Obra em Movimento: diálogos que permanecem”, abrindo as possibilidades de reflexão sobre as múltiplas pedagogias desse educador que influenciou o mundo ocidental no século XX e que até a atualidade mobiliza profissionais e intelectuais de diferentes áreas do conhecimento. O evento propõe ser um encontro com pessoas que viveram a experiência de contato pessoal com a figura singular de Freire, e ser um enlace entre pessoas que estudam e vivenciam o fazer educativo sob o princípio epistemológico Freireano da humanização na/da relação educativa. 

No cenário educativo atual, mais do que nunca, precisamos das lentes múltiplas de Paulo Freire presentes nas Pedagogias da Liberdade, do Oprimido, da Autonomia, da Pergunta, da Indignação, por citar algumas, para ver e compreender a pauta histórica da contemporaneidade e criar, desde uma ação pedagógica da Esperança, um reencontro com nossa humanidade que se manifesta na relação com os outros e com o mundo.

Objetivo:

Dialogar com as pedagogias Freireanas, a partir de seus fundamentos epistemológicos, éticos, políticos e estéticos, a fim de refletir sobre as questões educacionais que tocam de perto nossa presença no mundo na atualidade.

Data: 29 de junho
Local: Auditório da Associação dos Docentes da UNB (ADUNB)

Inscrições AQUI
FONTE: Rede de Educadores e Educadoras Populares da ENFOC

Lançada Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional







FOTO: Comunicação CONTAG


“Soberania é a propriedade ou qualidade que caracteriza o poder político supremo do Estado dentro do território nacional e em suas relações com outros Estados”.

Formada por mais de 200 deputados(as) e 18 senadores(as), que se opõem a várias medidas equivocadas do governo Temer e de seus aliados(as) no Congresso, foi lançada na tarde desta quarta-feira (21), a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional.

A Frente, que tem o apoio da CONTAG, pretende mobilizar todo o país em defesa da soberania nacional e da construção de uma sociedade de bem estar social que atenda a todos os brasileiros(as). “O exercício da Soberania pressupõe que as pessoas tenham as condições para exercerem os seus direitos e deveres republicanos e democráticos, ou seja, os direitos fundamentais relacionados com a alimentação, moradia, educação, saúde, cultura e tantos mais”, destacou o secretário-geral da Comissão Executiva da Frente, deputado Patrus Ananias (PT/MG).



Direitos que, de acordo com a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional, estão ameaçados pelo governo Temer o qual tem colocado o poder econômico do país como instrumento de subordinação da política aos interesses do mercado e dos grandes capitais estrangeiros. “Hoje a maior ameaça à soberania brasileira vem da financeirização da economia, na medida em que o sistema financeiro tornou-se um meio de escravização do nosso povo, através de juros escorchantes e de escassez de crédito em longo prazo. A economia e a sociedade estão sangrando”, denunciou o presidente da Comissão, senador Roberto Requião (PMDB/PR).

Uma sangria proposta pelo governo Temer e que se materializa em uma agenda de retrocessos, a qual inclui a entrega das terras brasileiras, dos seus recursos naturais, da Petrobras e até da base de Alcântara, ao capital internacional. “A Petrobras, símbolo da nacionalidade, está sendo fatiada para efeito da privatização. Entrega-se ao capital privado a exploração da água, desconsiderando que este dom de Deus não poderia ser transformado em base de negócios lucrativos. Entrega-se ao capital privado sem limites grandes porções de nossas terras. Doa-se a base Alcântara a uma potência estrangeira que espionou, e provavelmente ainda espiona, nossa maior empresa e o próprio palácio do Planalto. Ataca e desvirtua-se o BNDES, âncora do financiamento público, e o entrega ao capital vadio”, afirmou Requião.

 
Outro equívoco do governo Temer, denunciado pela Frente e pela CONTAG, é apontar o agronegócio como única opção de exportação de alimentos do Brasil. “O agronegócio se tornou a saída exclusiva da economia do atual governo. Nós sabemos, inclusive pela história, que confiar só na exportação feita pelo agronegócio é um risco tremendo para a economia, que fica a mercê dos grandes cartéis de comercialização e da financeirização global. Este governo claramente está trabalhando para transferir o patrimônio público do povo brasileiro para o setor privado nacional e internacional, por isso a nossa soberania em todos os setores da vida social e economica do país está em sério risco”, diz o presidente da CONTAG, Aristides Santos.



Aristides aproveita para reiterar o compromisso da CONTAG com a agenda de mobilização para barrar as PECs que tramitam no Congresso Nacional e ameaçam a soberania do país, sobretudo a vida dos(as) trabalhadores(as) rurais e agricultores(as) familiares.

MANIFESTO - Durante o Ato de Lançamento foi apresentado o manifesto e o estatuto da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional que preveem uma interação permanente com a sociedade civil, as organizações sociais, as igrejas, as universidades e com todos e todas que tenham compromisso com o futuro da pátria. 


Leia na íntegra o Manifesto pela Soberania Nacional, lançado pela Frente Parlamentar 

1. O fundamento da democracia brasileira é a soberania, inscrito solenemente no Artigo 1° da Constituição.
2. Este mesmo Artigo Primeiro estabelece solenemente que todo Poder emana do povo que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente.
3. A soberania é o direito inalienável e a capacidade da sociedade brasileira de se organizar de acordo com sua história e características sociais para promover o desenvolvimento de todo o seu povo, de forma justa, próspera, democrática e fraterna.
4. Esta soberania não pode ser limitada por políticas ocasionais que a comprometam e que dificultem a autodeterminação do Brasil e sua capacidade de resistir as tentativas de interferência externa.
5. A renúncia a certos direitos invioláveis, tais como o direito de organizar seu Estado e sua sociedade de forma a promover o desenvolvimento, é inadmissível.
6. Assim, cabe ao Congresso Nacional, integrado por representantes eleitos pelo povo brasileiro, garantir a soberania, o desenvolvimento e a independência nacional.
7. A organização de uma Frente Parlamentar de Defesa da Soberania se justifica na medida que Estados subdesenvolvidos como o nosso enfrentam sempre a ação de Estados mais poderosos para que reduzam sua soberania, enquanto esses Estados defendem e preservam com todo o empenho sua própria soberania.
8. Os eixos principais de ação da Frente Parlamentar serão a defesa
· da exploração eficiente dos recursos naturais, entre eles o petróleo, para a promoção do desenvolvimento;
· da construção de uma infraestrutura capaz de promover o desenvolvimento;
· da contribuição da agricultura para a alimentação do povo e as exportações;
· do capital produtivo nacional e de um sistema de crédito que tenha como objetivo seu fortalecimento;
· do emprego e do salário do trabalhador brasileiro;
· de um sistema tributário mais justo;
· de Forças Armadas capazes de defender nossa soberania;
· de uma política externa independente.


Comissão Executiva da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional

*Presidente - Senador Roberto Requião (PMDB/PR)
*Secretário-geral - Deputado Patrus Ananias (PT/MG)
*Secretário de Eventos e Mobilização - Deputado Glauber Braga (PSOL/RJ)
*Vice-presidentes - Senadora Vanessa Grazziotion (PCdoB/AM), Deputado Afonso Motta (PDT/RS), Deputado Celso Pansera (PMDB/RJ) e Deputado Odorico Monteiro (PSB/CE)A CONTAG participa nesta quarta-feira (21) do lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional.


FONTE: Comunicação CONTAG- Barack Fernandes

segunda-feira, 19 de junho de 2017

AGRICULTURA FAMILIAR – É QUEM ALIMENTA O PAÍS – DIZ MANOEL ROMÃO DIRETOR DO STTR


Neste Sabado o titular deste blog, esteve visitando a fazenda de seu ANTONIO MACIEL, na comunidade JORDÃO, próximo ao município de angicos, Onde entrevistei seu MANOEL ROMÃO DE SOUZA que planta nesta fazenda, e também o seu ANTONIO MACIEL.
Os dois agricultores mostraram suas plantações de BATATA MILHO E FEIJÃO, nas vazantes do açude do município de Angicos/RN.
É a nossa agricultura que alimenta nosso PAÍS – palavras de seu MANOEL ROMÃO E ANTONIO MACIEL









quarta-feira, 14 de junho de 2017

MAIS UMA VISITA QUE OS DIRETORES DO STTR DE ANGICOS REALIZA EM MAIS UMA COMUNIDADE RURAL DO CABUGI

Nesta terça feira, os Diretores do STTR de Angicos/RN, Ivanaldo Rogerio e Almir Medeiros, estiveram visitando as fazendas na comunidade CABUGI, nestas ações que estamos fazendo visitando as comunidades rurais, sempre com intuito de levar as informações, e dialogando com os agricultores sobre a situação do homem no campo, e mostrando a beleza da nossa agricultura familiar.

VISITA AS TRABALHADORES RURAIS na fazenda BARRA DA  CRUZ

VISITA NA FAZENDA DE JOÃO MARIA

APROVEITANDO PARA COMER UMA DELICIOSA MELANCIA
O PRESIDENTE ARROCHADO

MOSTRANDO AS CARICATURAS DO NORDESTE, NAS COMUNIDADES RURAIS
DE ANGICOS

VISITANDO A FAZENDA DE DONA HELENE, que nesta foto se encontrava no local
a nora CLEOMARIA

CRIAÇÃO DE CAPRINOS NO CABUGI

FAZENDAS NA COMUNIDADE CABUGI

VISITANDO O SITIO ALEGRIA DE DONA DALVANEIDE CAMPOS

segunda-feira, 12 de junho de 2017

AGRICULTORES DA ZONA RURAL DE ANGICOS/RN, FAZEM SILAGEM DE RAÇOES PARA TER RAÇÃO NO PERÍODO SECO

Neste final de Semana, o Representante do STTR - Almir Medeiros esteve visitando algumas fazendas de agricultores familiares da comunidade ESPERANÇA, foi nas residencias de EUGENIO BATISTA E ALDEMIR MARCELINO.
E constatei vários mecanismo e criatividade para fazer forragem para os animais no período da SECA.
De acordo com as informações na entrevista que fiz aos agricultores e tambem registrando as fotos, eles estão fazendo SILAGEM PARA OS ANIMAIS, onde os mesmo plantaram CAPIM, SORGO, PALMAS, MILHO, FEIJÃO E ENTRE OUTRAS PLANTAÇÕES DA AGRICULTURA FAMILIAR, e ja no ponto de colheita, eles cortam as rações, passam na forrageira e fazem o processo de Silagem, para que no final do ANO, que é no período mais critico, por falta de ração, eles tem o alimento para os animais guardado desde deste período. 
De acordo com os agricultores EUGENIO e ALDEMIR, eles recebem assistencia tecnica do PROJETO SERTÃO EMPREENDEDOR, pelo SENAR, e o tecnico de acompanhamento é HEITOR.
Fazendo estes procedimentos, amenizam a situação de compra de ração em armazem e melhora ate a qualidade da ração fornecida aos animais, diminuindo os gastos com compra de rações.
DESIDATRAÇÃO DA PALMA - PARA SILAGEM

CAPIM DO MATO - SENDO SILADO VERDE

CAPIM DO MATO

PRODUÇÃO DE FENO

PRODUÇÃO DE PALMA FORRAGEIRA

PALMA TIPO GIGANTE

PALMA TIPO ORELHA DE ELEFANTE

PALMA TIPO DOCE

SILAGEM DE RAÇÃO DENTRO DE UM TANQUE

ARMAZENANDO FENO NO ARMAZEM

BARREIRO TRINCHEIRA 
DO AGRICULTORA EUGENIO BATISTA

PLANTAÇÕES DE FEIJÃO

PE DE FEIJÃO

SORGO

PE DE SORGO

CAPIM COM O SORGO

NO ROÇADO DE EUGENIO BATISTA - INSTALAÇÕES DE CAIXA DE AGUA
E PROCESSO DE GOTEJAMENTO

CAPINADEIRA PARA CARRO

ARMAZENAMENTO EM SILAGEM DE RAÇÃO
CASCA DE FEIJÃO E MATA PASTO.

ARMAZENAMENTO DE SILAGEM
SORGO E MILHO

FENO DA PALHA DO MILHO

PORTEIRA DO CAMPO
99% CONSTRUIDA COM MATERIAL DA FAZENDA.
RÉLIQUA NORDESTINA